«

»

mai 25

[VIDEO] Deputado Dr. Talmir (PVSP) Manifesta preocupação acerca do ciclamato de sódio na Coca Cola Zero / Mas dá bola fora em proposta de vacinação

GD Star Rating
loading...

Eu escrevi um post estes dias sobre o ciclamato de sódio e seus efeitos nocivos a saúde humana. Um anônimo me enviou a dica deste vídeo, onde o Deputado Dr. Talmir (PVSP), manifesta preocupação acerca de componente ciclamato de sódio encontrado na Coca Cola Zero vendida no Brasil. Segundo ele (e vários estudos), a substância pode ser cancerígena e produz efeitos colaterais ao organismo.

Meus parabéns ao deputado que corajosamente levantou a voz contra esta organização que regulamenta a morte que é a ANVISA. Mas nem tudo são flores, leia este este post até o fim para saber porque.

Ciclamato



Aborto

Sei que a questão do aborto é polêmica, mas eu sou sou pró-vida, como já deve ter ficado claro quando postei sobre “O Mito da Superpopulação”. Acontece que nosso nobre colega tem vários projetos de lei contra o aborto e a eutanásia, como este, este e este, além de solicitar uma audiência pública para exibir o filme “O Grito Silencioso”. Parabéns novamente!

Ok, agora vamos ver uma outra ação de nosso “nobre” deputado, eu diria no entanto, nada louvável.

Vacinação

Descobri que nosso até então querido deputado foi quem criou o Projeto de Lei 1460/07, que que torna obrigatória a vacinação gratuita contra hepatite A, varicela, gripe, meningite e pneumonia em crianças de zero a cinco anos em todo o território nacional:

A Câmara analisa o Projeto de Lei 1460/07, do deputado Dr. Talmir (PV-SP), que torna obrigatória a vacinação gratuita contra hepatite A, varicela, gripe, meningite e pneumonia em crianças de zero a cinco anos em todo o território nacional. O Sistema Único de Saúde (SUS) oferece hoje para as crianças apenas as vacinas BCG, que previne a meningite tuberculosa, e a tetravalente, contra a meningite causada pela bactéria Haemophilus influenzae tipo B.

O autor da proposta argumenta que é preciso incluir essas vacinas no calendário de vacinação da rede pública de saúde porque, além de primordiais para o bom desenvolvimento das crianças em seus primeiros anos de vida, só estão disponíveis em clinicas particulares. “As vacinas custam caro, portanto são inacessíveis às crianças de baixa renda, que estão mais expostas a determinadas doenças devido à condição precária em que vivem”, ressalta.

Em agradecimento Dr. Talmir disse “Sr. Presidente, eu gostaria de fazer um agradecimento, pois agora há pouco, na CCJ, foi aprovado um projeto de minha autoria que torna obrigatória a vacinação de crianças contra meningite, pneumonia, hepatite A e gripe. Esse importante projeto foi relatado pela Deputada Rita Camata na Comissão de Seguridade Social e Família.Sou médico pediatra. Na minha prática, na clínica, para mim é terrível quando tenho de dizer aos pais que essas vacinas já existem e já foram inseridas no calendário nacional de imunização pela Sociedade Brasileira de Imunizações e pela Sociedade Brasileira de Pediatria. Mas o médico que não presta essa informação aos pais pode incorrer em omissão, e talvez até ter de indenizar a família por não tê-la avisado da existência e da possibilidade de acesso a essas vacinas.

Mesmo que seja com a melhor das intenções, nosso caro Deputado não deve estar ciente de todas as informações a respeito das vacina, como este estudo que mostra que “Lactentes amamentados exclusivamente com leite materno até seis meses são significativamente protegidos contra infecções por pneumococos, independentemente da vacinação pneumocócica“. De qualquer forma estarei enviando algumas informações, como um link para todas as notícias sobre a gripe suína postados neste blog.

Homenagem aos 60 anos de Israel

O deputado foi também responsável por uma ementa que requer a convocação de Sessão Solene da Câmara dos Deputados em homenagem aos 60 anos de criação do Estado de Israel. Deveria ter uma sessão solene para lembrar todos os mortos na palestina, ou os assassinatos clandestinos promovidos pelo governo de Israel, ou ainda uma outra para lembrar que Israel clandestinamente mantém uma centenas de mísseis atômicos, enquanto acusa Iran de estar tentando contruir um.

Fontes:
Blog Dr. Talmir
Site Camara: Projeto obriga SUS a oferecer mais vacinas para crianças
Pǽgina de Talmir Rodrigues na Câmara dos Deputados
Email do deputado: dep.dr.talmir@camara.gov.br

Artigos relacionados:

9 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Anonymous

    Acredito que o Dr. Talmir seja bem-intencionado e honesto, mas carece de informações sobre a vacina além daquelas fornecidas pelos laboratórios. Acredito que, assim que ele se inteirar do que aconteceu na Alemanha, França, Grã-Bretanha, Austrália, China, Noruega, etc, vai se dar conta que tantas evidências em tantos países merecem atenção e infestigação aprofundada. Espero que isto o leve a rever sua posição sobre as vacinas…

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  2. nadia

    bom dia….eu tenho uma duvida sobre a H1N1;

    se a gripe H1N1 é a mais fraca, porque se usa
    somente o remedio Tamiflu????????????
    me tire esta duvida.Parabens pelo site.

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  3. Dário Cardina Codinha

    Olá Nadia,

    Em primeiro lugar existem cerca de 4 anti-virais. O Tamiflu é o mais conhecido porque era, até agora, o que demonstrava menos resistência. O anti-viral só deve ser administrado quando o caso é grave.

    Em segundo, o H1N1 não é o mais fraco. O H1N1 e o H3N2 circulam juntos desde 1977. O que aconteceu foi a junção de duas estirpes que deram origem e um H1N1 com algumas alterações. 2 genes são diferentes aos do H1N1 que circulava até agora. Um desses genes é o mesmo do H1N1 de 1918, o que fez com que idosos que tinham defesas dessa gripe de 1918 tivessem alguma resistência a este vírus.

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  4. Anonymous

    O deputado Talmir, representa às criancas brasileiras ou os fabricantes de vacinas? Nào ficou claro para mim na matèria. Quanto a convocacão de Sessão Solene em homenagem ao Estado de Israel, o deputado deveria ser equivalente ao povo da Palestina, que sofre a duras penas pela existencia dêsse mesmo Estado que o nobre deputado pretende homenagear em nome dele ou do povo brasileiro? Tambem, para mim , não ficou bem claro na materia.

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  5. emerson

    Dário, muito obrigado pela sua explicação didática diretamente da OMS.

    Nadia, desde o panico da gripe aviária, países foram levados a estocar grandes quantidades de tamiflu, criado pela empresa de Donald Rumsfeld, secretǽrio de Bush. Aí você ve como o circulo fecha…

    Se ainda não viu, recomendo assistir:
    http://www.anovaordemmundial.com/2009/07/operacao-pandemia.html

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  6. Anonymous

    Interessante a tabelinha entre Dario,Nadia e do Emerson, nenhum dos tres comentaristas comentam a materia do site relacionada ao deputado Talmir, pelo contrario, ficam a confabular outros assuntos, desmerecendo o autor da materia em questão, sendo, vamos assim dizer , indelicados e mal educados para com o autor, os leitores e ao proprio site. Tentam por assim dizer, desviar a atencão dos outros para os seus bate-papos informais. estranho, muito estranho.

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  7. nadia

    anonymous, eu NADIA mandei a minha duvida nesta
    pagina, porque não sabia para onde mandar.
    Desculpe. Ao DARIO e ao EMERSON o meu muito
    obrigada. E ao dono do site, ele sabe que
    qualquer duvida esclarecida, sendo ou não sobre
    o assunto em pauta É VALIDO

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  8. Anonymous

    Nadia,

    Acredito que o objetivo deste blog é esclarecer as pessoas e que, por isso, o autor do blog ficará contente mesmo se os comentários se afastarem da notícia acima.

    Como a notícia aborda a questão obrigatoriedade da vacina, seu comentário não está totalmente fora do assunto.

    Duas pessoas responderam à sua pergunta com orientações opostas. Em qual delas acreditar?

    A resposta é:

    Você deve pesquisar. Você verá que há uma guerra de informação, até que, aos poucos vai começar a perceber quem é quem.

    Sua pesquisa pode se orientar em várias linhas, por ex., jurídica (os laboratórios assumem a responsabilidade de indenizar as pessoas prejudicadas pela vacina?), histórica (gripe de 1976, cientistas recuperaram o vírus da gripe espanhola, a história de Jane Burgermeister, Dra. Rima Laibow, etc.), lógica (a OMS parou a contagem dos casos de gripe A, por que, se a doença é tão grave?), político (Ministra da Saúde da França questionada pelo Parlamento, governos pressionados pela OMS, Obama declarou emergência nacional por causa da gripe A – motivado por quantas mortes?), científico (profissionais de saúde que se negam a ser vacinados), econômico (patente do vírus e empresas que produzem a vacina e o tamiflu, histórico destas empresas), mídia (a mídia oficial tem interesse de nos informar ou serve a outra finalidade?) e, por fim, observe a realidade à sua volta (veja se é fácil fazer um exame de H1N1, se o exame está disponível em geral, se os resultados são rápidos e seguros). Use sua criatividade e inteligência para criar sua própria opinião. E muito cuidado para não ser induzida ao erro, pois está lidando com a sua própria saúde e a sua vida.

    O fato é que na Europa, pouco mais de 10% da população se vacinou. E como estão os europeus hoje?

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  9. Anonymous

    E agora deputado Dr. Talmir? O mundo inteiro, inclusive a ONU, esta condenando o massacre de Israel à Frota da Liberdade. V. Exa., ainda vai insistir na Homenagem Solene ao Estado de Israel, se o proprio Presidente Lula condenou esse massacre. Não seria hora de se repensar?Com a palavra o nobre deputado Dr. Talmir.

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>