«

»

mai 18

Vacinação H1N1 na Noruega: 801 incidentes, 201 casos sérios de reações adversas e 10 mortes, segundo a Agência Médica Norueguesa

GD Star Rating
loading...

No ano passado, o programa de vacinação em massa contra a gripe suína na Noruega causou a morte de 10 pessoas.

Segundo dados divulgados pela Agência Médica Norueguesa, a vacina Pandemrix causou 801 incidentes relatados de efeitos colaterais. As autoridades de saúde consideraram 201 destes casos como graves.

Entre outros sintomas, os pacientes experimentaram reações alérgicas severas e caimbras. Mas talvez o mais grave foram os que sofreram da síndrome de Guillain-Barré, que causa paralisia ascendente progressiva das pernas. Também pode afetar os braços e parte superior do corpo, e na pior das hipóteses pode paralisar os músculos respiratórios.

A vacina também afetou as mulheres grávidas e crianças. Houve 16 casos de abortos, morte fetal, ou natimorto. 58 crianças foram também internadas para observação devido a desmaios, febre, fadiga, perda de apetite e desidratação.

Cerca de dois milhões de pessoas foram vacinadas contra a gripe suína no ano passado, a agência diz que está investigando todos os incidentes.

De acordo com um outro jornal O aftenposten (link para o google translate em inglês),a vacina causou mais mortes do que o vírus H1N1 até agora. A vacina Pandemrix é a mesma vacina da GSK distribuída no Brasil. O jornal disse que esta vacina é a mais perigosa, mas que o governo Noruegues detêm mais de 9 bilhões em ações desta empresa.

O Aftenposten diz ainda que na Suécia houveram 20 mortes e 22 abortos em conexão com a vacina.

Este mesmo jornal mencionou que a editora do Jornal da Associação Médica da Noruega, a virologista Charlotte Haug, foi uma das poucas céticas em relação a pandemia no ano passado. Parabéns para a Charlotte!

Então eu pergunto, como o Ministério da Saúde ainda vem com a ladainha de que mais de 300 milhões de pessoas foram vacinadas no hemisfério norte e não houve nenhuma morte relacionada com a vacina?

Fontes:
The Foreigner: Swine flu vaccine caused deaths
Aften Posten: Uma História Alegre
Aftenbladet: Recorde de número de relatos de efeitos colaterais

Artigos relacionados:

9 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Anonymous

    Excelente post… mais uma informação que não vimos nada na midia…

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  2. Anonymous

    Muito boa notícia. Infelizmente essa não é dos tipos que aparecerá na mídia convencional mesmo e portanto as massas que justamente serão/foram vacinadas não vão saber.

    Agora vamos supor que essas vacinas causem, ao longo dos anos, mais sintomas graves e até mesmo doenças novas, devido aos componentes perigosos e tóxicos como mercúrio e esqualeno. O que é que o governo brasileiro vai fazer?
    Será que a vacinação contra a tal gripe vale tanto assim?

    Sinceramente penso que o governo brasileiro foi um "Maria-vai-com-as-outras" dos governos do hemisfério norte.

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  3. Anonymous

    Sempre é bom procurarmos saber mais do que nos contam na tv, esse site é um bom caminho para isso. Tenho um colega q se vacinou e no mesmo dia teve febre alta, mal estar, muita dor no braço onde foi injetado a vacina,e outros sintomas, passou alguns dias ele melhorou.Ontem escutei um rapaz falando para outra pessoa q tinha tomado a vacina e estava sentindo muita dor no braço e q não se sentia bem.Eu fico assustada em ver notícias de pessoas; jovens, adultos, crianças e mulheres grávidas que estavão bem e depois q tomou a vacina ou ficaram doentes ou com sérios problemas, abortaram ou morreram, e depois veen nos disser q a vacina não tem nada a ver com isso, e de se espantar ou no mínimo ficar curioso e pesquisar sobre o q estar acontecendo.

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  4. Júlio Castro

    Essa doença da gripe suína de que eles tanto falam não passa de uma grande balela,isto porque a malária e a diarréia está matando mais pessoas nos países do Oriente do que essa farça de gripe suína;o grande indíce de morte causada por outras doenças não é divulgada pela mídia controlada.A verdadeira intenção dos líderes mundial não é imunizar a população,mas exterminar através da vacina,e para convencer as mesmas a tomá-la,foi preciso criar uma pandemia imaginária.

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  5. Ministério

    Anonymous,

    Em todas as campanhas de vacinação, realizadas pelo mundo, surgem teorias de que estas imunizações causam sérios danos ou até morte. Porém, estes fatos não são verdadeiros. Nosso país tem tradição em campanhas de vacinação. Já erradicou doenças e diminuiu os danos causados por muitas outras. A vacina é justamente para ajudar a diminuir os males provocados por um vírus que matou milhares de pessoas pelo mundo e, centenas no Brasil.

    Com a campanha de vacinação contra o vírus Influenza H1N1 não foi diferente.

    Esclarecemos mais um vez, A vacina contra Influenza H1N1 é segura. Ela foi devidamente testada. Antes de ser aplicada aqui no Brasil, esta vacina já foi utilizada em mais de 300 milhões de pessoas no Hemisfério Norte, sem efeitos colaterais graves.

    Mais informações:
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  6. Ministério

    Anonymous,

    O Ministério da Saúde adverte que os e-mails que estão circulando na Internet contrários à Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza H1N1 trazem informações falsas que não condizem com a realidade. Além de serem prejudiciais à saúde pública do país, eles tratam de especulações. Não é verdade. O fato é que mais de 300 milhões de pessoas já foram vacinadas com esta vacina no Hemisfério Norte, sem qualquer efeito colateral grave. A vacina é eficaz, segura e protege a população.

    E-mails e boatos irresponsáveis como esses ocorrem em todas as campanhas realizadas pelo mundo. Fato semelhante ocorreu no Brasil, durante a Campanha Nacional de Vacinação contra a Rubéola. Naquela época, circularam na internet boatos de que, ao invés de imunizar a população, o Governo brasileiro pretendia esterilizar as pessoas em idade reprodutiva para fazer controle de natalidade. Mas, felizmente, a campanha foi um sucesso e o Brasil está prestes a receber o certificado de País Livre da Rubéola e da Síndrome da Rubéola Congênita. Graças às campanhas de imunização, o Brasil também está livre da Poliomielite e da Varíola.

    Teorias de conspirações como essas servem apenas para provocar pânico na sociedade. O Ministério da Saúde orienta que, ao receber um e-mail com igual teor, encaminhe a todos os destinatários esta resposta oficial, para que informações falsas não possam tomar maiores proporções, prejudicando o funcionamento de campanhas importantes à saúde dos cidadãos.

    Para obter informações verídicas sobre a campanha, acesse canais oficiais como o Portal da campanha do Ministério da Saúde http://www.vacinacaoinfluenza.com.br ou o site da Organização Mundial de Saúde(OMS) http://www.who.int.

    Em caso de dúvidas: fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  7. Ministério

    Júlio,

    O vírus não é uma farsa, ele existe e é perigoso. Até março deste ano, o Ministério da Saúde recebeu a notificação de 1.583 supostos casos de contaminação da Influenza H1N1, do total 727 casos foram descartados. 601 ainda passam por investigação, e 255 casos foram confirmados.

    O Ministério da Saúde mantém uma página na internet com todos os relatórios produzidos sobre a situação da Influenza H1N1 em território brasileiro. inclusive com o número de casos registrados tanto em 2009 quanto nos primeiros meses de 2010. Para ter acesso a todos os relatórios produzidos pelo Ministério da Saúde acesse o seguinte link: http://portal.saude.gov.br/portal/saude/profissional/area.cfm?id_area=1650

    Mais informações:
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  8. nandobardo

    Bem eu mesmo conheço dois casos próximos, duas pessoas que tomaram a vacina e vieram a falecer em menos de dois dias com sintomas da H1N1…
    Então não me venham (Sr Ministério) com suas supostas afirmações que a vacina não faz mal…
    Não tomarei nunca e a quem eu puder esclarecerei para não tomar também…

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

  9. rodrigo baby

    ESSA VACINA SEQUELOU MINHA ESPOSA O QUE HOJE ACREDITO DOS MALES O MENOR POIS PODERIAMOS TER PERDIDO ELA GRAÇAS A ESTA MALDITA VACINA “COMERCIAL” E AO MINISTÉRIO DA SAÚDE QUE MESMO TENDO UMA PAGINA NA NET COM EVENTOS ADVERSOS PÓS VACINA H1N1 UMA LISTA ENORMA OS OMITIO E GASTOU MUITO EM MIDIA INCENTIVANDO A POPULAÇÃO A TOMAR A REFERIDA VACINA QUE A MESMA SÓ TERIA RARAMENTE EFEITOS LEVES POIS ESTA QUASE TIROU A VIDA DE MINHA ESPOSA QUE ESTEVE EM UMA (UTI)
    ONDE TODOS EXAMES PARA OUTRAS DOENÇAS NEGATIVADOS E O LIQUOR DE MEDULA VEIO A COMPROVAR A SUSPEITA DO NEUROLOGISTA E ATÉ HOJE PASSAMOS POR DIFICULDADES FINANCEIRAS E TEMOS QUE IR AO HOSPÍTAL TODOS DIAS PARA FAZER FISIOTERAPIA E A RESPÓSTA FOI MELHOR E EU CORRI POR FORA PARA CONSEGUIR A IMUNOGLOBULINA HUMANA ENQUANTO ELA ESTAVA NA (UTI) ESTE É UM VIDEO DELA!!!
    http://www.youtube.com/watch?v=JsySHqPsDuU

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>