«

»

mai 20

“Body-scanners podem aumentar o risco de câncer”, dizem especialistas

GD Star Rating
loading...

 Body scanners podem aumentar o risco de câncer, dizem especialistas- Body-scanners podem aumentar o risco de câncer
- Radiação “perigosamente subestimado”
- Pele em volta do rosto e pescoço sob maior risco

Cientistas americanos alertam que a radiação emitida pelos polêmicos scanners corporais (body-scanners) utilizados em aeroportos de corpo inteiro foi perigosamente subestimada e pode levar a um maior risco de câncer de pele – principalmente em crianças.

O bioquímico da Universidade da California, David Agard ,disse que diferentemente de outros scanners, a radiação destes aparelhos é disparada em raios de baixos níveis de energia, com a maior parte da dose concentrada na pele e tecidos subjacentes.

Embora a dose seria segura se foram distribuídas ao longo do volume do corpo inteiro, a dose recebida pela pele pode ser perigosamente alta“, disse o Dr. Agard.

A radiação ionizante, como os raios-X utilizados nestes scanners têm o potencial de provocar danos nos cromossomos e podem levar ao câncer.

Uma preocupação adicional é que uma falha no aparelho – como uma falha de energia ou do software – poderia causar uma dose de radiação intensa em um único ponto da pele.

O alerta é feito antes do lançamento previsto do scanners na Austrália no próximo ano, como parte da ofensiva do Governo Federal para aumentar a segurança nos aeroportos.

David Brenner, chefe do Centro da Universidade de Columbia para Pesquisa Radiolôgica, diz que a concentração da dose de radiação na pele, um dos órgãos do corpo mais sensíveis à radiação, é na verdade 20 vezes maior do que a estimativa oficial.

Dr. Brenner diz que o risco mais provável da utilização dos body-scanners é um tipo de câncer de pele chamado carcinoma basocelular, que ocorre principalmente na cabeça e no pescoço, e é geralmente curável.

O investigador foi consultado para escrever orientações para os scanners de segurança em 2002, mas disse que não teria assinado o relatório se soubesse que os dispositivos seriam tão amplamente utilizado.

Não há realmente nenhuma outra tecnologia existente onde estamos planejando usar raios-X em um número tão grande pessoas“, disse ele. “Embora os riscos individuais serão pequenos, o risco para a população como um todo tem o potencial de ser significativo.”

A pesquisa mostra também que as crianças são as mais vulneráveis aos danos causados pela radiação, porque têm mais células se dividindo em qualquer momento do que adultos, sendo que uma mutação induzida pela radiação pode levar ao câncer na idade adulta.

Funcionários da TSA (Administração de Segurança no Transporte doe EUA) e a FDA (Administração de Alimentos e Drogas americana) tentaram acalmar as preocupações, dizendo que seria necessário milhares de viagens através dos scanners para igualar a dose de um exame de raios-X hospitalar.

As recentes preocupações levantadas pelo Dr. Brenner durante o Caucus biomédico do Congresso Americano não foram oficialmente abordadas.

Dr. Agard e seus colegas médicos, John Sedat, um biólogo molecular e líder do grupo; Marc Shuman, um especialista em câncer; e Robert Stroud, um bioquímico e biofísico, dirigiram suas preocupações ao Dr. John Holdren, conselheiro científico do presidente americano Barack Obama.

Os cientistas pedem para que mais pesquisas sejam realizadas antes de permitir o uso indiscriminado dos body-scanners.

O Dr. Brenner acredita que scanners de ondas milimétricas, que usam ondas de rádio em vez de raios-X, seriam melhores pois não se tem conhecimento de que estes apresentem nenhum risco de radiação.

Scanners corporais não são estranhos à controvérsias

Os scanners corporais já causaram polêmica antes, com preocupações com a privacidade, incluindo se as imagens digitalizadas pudessem violar as leis de pornografia infantil em vários países.

Eles também têm sido criticadas como ineficientes, com advertências de que provavelmente não detectariam muitos dos dispositivos explosivos utilizados por grupos terroristas.

Em outros problemas no início deste mês, um funcionário de segurança do aeroporto foi suspenso por agredir um colega que brincou com ele por ter genitália pequena depois de ter andado na frente do scanner.

E em março, uma funcionária da segurança dos aeroportos no Reino Unido disse que vai processar seus chefes depois de um colega deram olhadelas desrespeitosas em sua imagem “nua” em um scanner.

Fontes:

News.au: ‘Naked’ scanners may increase cancer risk
NPR: Scientists Question Safety Of New Airport Scanners

Congressional Biomedical Research Caucus 2010 Briefing Series

Artigos relacionados:

1 comentário

1 menção

  1. Anonymous

    Na fazenda do meu tio
    tinha um pintinho que se chamava Relam
    toda vez que chovia
    relam piava!

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 1

  1. Scanners Corporais e revistas pessoais em genitais geram revolta e indignação nos EUA | Fim dos Tempos.Net-2012

    [...] Já havíamos coberto este assunto alguns meses atrás, quando o governo brasileiro começou a implantação destes equipamentos em alguns dos aeroportos no Brasil. Escrevemos também neste blog sobre o perigo à saúde dos scanners corporais. [...]

    Gostei or Não: Positivo 0 Negativo 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Featuring YD Feedwordpress Content Filter Plugin